Escolher os itens para casa não é uma tarefa simples. Mesmo no quesito decoração, é preciso fazer um planejamento prévio dos ornamentos, justamente para imprimir a personalidade dos moradores, sem comprometer a organização do ambiente.

Além disso, é preciso considerar as necessidades dos cômodos. Afinal de contas, a sua casa precisa ser um local confortável e adequado à sua rotina.

No artigo de hoje, saiba quais os principais itens para utilizar e tornar a sua casa mais aconchegante. Desse modo, fazer a escolha dos objetos e utensílios será algo muito mais fácil. Acompanhe a leitura!

1 – Use almofadas no sofá

Essa é uma dica simples, mas que faz toda a diferença na decoração da sua casa. As almofadas trazem uma sensação de conforto, além de contribuir com o estilo do ambiente.

Hoje em dia, é possível encontrar uma ampla diversidade de cores, estampas e texturas de capas para almofadas. Dessa forma, é possível escolher a que melhor atende aos seus interesses e gostos pessoais.

A dica é não exagerar na quantidade de almofadas, para que elas não ocupem muito espaço no móvel. Lembre-se que elas são itens complementares, não protagonistas.

Ademais, para complementar a decoração, recomenda-se usar tapetes de pelo macio.

2 – Tenha luminárias e lustres

A iluminação é algo que faz toda a diferença para a decoração dos ambientes. Afinal de contas, ela é capaz de proporcionar uma sensação de conforto, amplitude e sofisticação, além de direcionar o olhar dos moradores e visitantes.

Sendo assim, a dica é tentar aproveitar ao máximo a luz natural, visto que esse tipo de iluminação revigora o ambiente, além de reduzir o consumo de eletricidade – o que é ótimo para o meio ambiente.

No caso da iluminação artificial, é necessário entender as especificações de cada ambiente. Por exemplo, um lustre sala de jantar é uma ótima opção, quando colocado bem acima do centro da mesa. 

Já para escritórios home office, o melhor é uma luminária de luz branca, que colabora com a atenção e nos ajuda com a produtividade.

Hoje em dia, os spots ganham cada vez mais destaque nos projetos de interiores. Isso porque eles permitem o direcionamento das luzes, destacando objetos pontuais da decoração.

3 – Tenha plantas na decoração

As plantas são ótimas aliadas na decoração da sua casa. Elas transmitem a sensação de conforto, tranquilidade e refrescância, além de dar um charme a mais no ambiente.

Não importa o tamanho, sejam elas pequenas ou grandes, o importante é que as plantas estejam bem organizadas com a decoração e não interfiram no fluxo do dia a dia.

Caso o imóvel tenha uma área externa, vale a pena procurar uma empresa de paisagismo e jardinagem SP para elaborar um projeto diferenciado, para dar vida à sua casa.

Mesmo para locais menores, como apartamentos, é possível usar plantas na decoração. Algumas alternativas são:

  • Pequenos vasos de suculentas;
  • Bonsais;
  • Jardim vertical nas paredes;
  • Vasos com temperos na cozinha.

É importante lembrar que algumas plantas também transmitem um odor agradável no ambiente e podem ser usadas como elementos aromoterapêuticos. Com isso, a sua casa fica muito mais aconchegante, contribuindo com o seu bem-estar.

4 – Prefira revestimentos e móveis em madeira

A madeira é considerada um material nobre e, por conta disso, ela nunca sai de moda no design de interiores e na arquitetura.

Sofisticada e elegante, a madeira torna os espaços visualmente mais aquecidos e aconchegantes. Sendo assim, vale a pena optar por esse material tanto na mobília quanto nos revestimentos (pisos e paredes).

Caso o imóvel já tenha peças em madeira, principalmente nos pisos, a dica é fazer a aplicação de bona em tacos. Dessa forma, é possível recuperar o brilho do material, renovando a decoração e mantendo a qualidade do revestimento.

Hoje em dia, existem revestimentos que imitam a madeira, como os pisos laminados e vinílicos. Essa é uma opção vantajosa para quem deseja um ambiente confortável, mas não quer arcar com os custos elevados da madeira.

5 – Tenha uma climatização adequada

O conforto não é só questão de estética, ainda mais quando estamos lidando com o design de interiores. É necessário que todo o ambiente esteja agradável, em questão de organização, funcionalidade e temperatura.

Por esse motivo, vale a pena verificar a necessidade de instalação de equipamentos para climatização, tanto para esquentar quanto refrescar os cômodos.

Para as regiões mais quentes, a dica é procurar uma empresa de engenharia de ar condicionado, para avaliar onde instalar a máquina e como abaixar a temperatura do ambiente para um nível satisfatório.

Já para as regiões mais frias, como no sul do Brasil, ter uma lareira em casa pode ser bastante confortável, além de ser uma maneira de reunir a família e amigos.

Outra solução para melhorar a climatização da sua casa é a instalação de telhas termoacusticas. Elas mantêm a temperatura do interior em níveis agradáveis e, além disso, abafam os ruídos externos.

Ou seja, além de manter a temperatura ideal, as telhas também isolam os cômodos, contribuindo para evitar os incômodos causados pelos barulhos da rua.

6 – Aproveite os espaços da casa

Quando se fala em aproveitar os espaços da casa, logo pensamos nos móveis planejados. De fato, eles são grandes aliados da decoração, pois são personalizados para cada um dos cômodos, ajudando na organização do ambiente e facilitando o dia a dia.

Mas além dos móveis sob medida, é possível investir em outros itens que tornam a sua casa mais aconchegante e funcional, como a porta de enrolar.

Muito comum em estabelecimentos comerciais, esse modelo de porta está encantando arquitetos e já pode ser visto em residências.

As portas de enrolar são muito seguras, evitando a ação de agentes externos. Além disso, a maioria delas é automática e extremamente resistente.

7 – Opte por cores claras

As cores claras ajudam a ampliar a noção de tamanho dos ambientes e, por esse motivo, são as tonalidades mais recomendadas para apartamentos ou casas menores.

Em conjunto, algumas cores como o branco, bege, areia, azul e verde claros transmitem a sensação de paz e tranquilidade, contribuindo para tornar o ambiente muito mais confortável. 

Por refletirem a luz natural, as cores claras tornam a sua casa mais iluminada e, além disso, elas combinam com os mais variados estilos.

Isso não quer dizer que a sua casa precisa ser inteiramente branca. É possível combinar as tonalidades, mas para quem busca conforto, a predominância das cores claras é fundamental. 

Deixe as tonalidades mais fortes para alguns pequenos objetos decorativos.

8 – Não exagere na quantidade de objetos

A decoração minimalista é muito mais aconchegante do que os estilos exagerados, com excesso de objetos e itens ornamentais. Por esse motivo, não coloque muitas coisas para enfeitar a sua casa.

Destaque as peças com valor sentimental, como fotografias ou lembranças de viagem. Lembre-se de colocar esses artigos em um local que não irá atrapalhar o tráfego de pessoas ou poluir visualmente o espaço.

Conclusão

Pensar em uma decoração aconchegante não é tão simples quanto parece. No entanto, a palavra de ordem é conforto, por isso, é importante priorizar os itens que transmitem essa sensação e ajudam a relaxar.

Com as dicas acima, é possível planejar uma decoração simples, porém funcional e agradável, sem perder a personalidade de cada um.

Caso tenha dúvidas de como investir em uma decoração aconchegante, vale a pena procurar por um designer de interiores que te ajude a planejar algo único e sofisticado. Aos poucos, a sua casa se transformará em um verdadeiro lar!

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Rejanedrumond
Rejanedrumond

Apaixonada pela criatividade, pela beleza nas pequenas coisas e pela alegria que move a vida. Acredita que a arquitetura é feita para melhorar a vida das pessoas, seja pelo prazer de estar em uma casa bonita, na praticidade de usar um espaço bem pensado ou na proteção e conforto de uma edificação.

Leave a Reply

Your email address will not be published.