Muitas pessoas buscam por locação de imóvel na internet, por isso, as imobiliárias investem nesse canal de divulgação. Dessa forma, muitos sites com essa missão começaram a surgir.

A concorrência é grande, pois tem muita gente anunciando seus imóveis com condições diferenciadas para chamar a atenção dos locatários ou compradores.

Desde imóveis para temporada até aqueles destinados à moradia, todos precisam ter uma divulgação bem trabalhada para conquistar seu novo morador.

Então, a internet é a melhor ferramenta, tanto para quem busca quanto para quem anuncia casas e apartamentos. Por meio de seus canais, as pessoas conseguem conhecer os imóveis sem nem mesmo ir até eles.

Só que para receber essas “visitas virtuais”, é preciso atrair a atenção das pessoas com os anúncios, oferecendo boas imagens e muitos detalhes.

Uma pessoa que quer visitar o imóvel, está muito interessada, uma vez que já pôde vê-lo e sabe bastante a respeito dele. Em outras palavras, a chance de fazer negócio é muito maior.

Se você ou sua imobiliária desejam anunciar os imóveis de maneira mais eficaz e garantir bons resultados, neste artigo, elencamos uma série de dicas imbatíveis. Confira.  

Dicas para divulgar um imóvel

Para divulgar seu imóvel e atrair um número maior de pessoas, existem algumas estratégias indispensáveis. 

Elas podem ser usadas por imobiliárias, corretores e também por particulares. São elas:

Qualidade de fotos e vídeos

As fotos e vídeos são os melhores recursos para despertar a atenção do locatário, além de conseguirem expor com exatidão as condições da propriedade.

É possível mostrar detalhes, como os serviços de engenharia civil que foram feitos, diferenciais de cada cômodo, como armários embutidos, textura em paredes, etc.

Para que as imagens tenham uma boa qualidade, elas precisam ser claras, bem focadas, ter alta resolução e contar com recursos avançados, como o 360º, que permite ao locador analisar cada ângulo numa única imagem.

Alguns detalhes podem fazer toda a diferença na imagem, como:

  • Ambiente bem decorado;
  • Limpeza e organização;
  • Fotografias diurnas;
  • Riqueza de detalhes.

Não se esqueça de que o principal objetivo de fotos e vídeos é valorizar os imóveis, por isso, ajeite algumas coisas antes de filmá-lo ou fotografá-lo.

Utilize estratégias de marketing

Esta dica é especialmente importante para as imobiliárias, pois elas precisam trabalhar algumas estratégias de marketing para se destacar no mercado.

Uma boa dica para fazer isso é misturar o Inbound Marketing (Marketing de Atração) com as estratégias tradicionais.

Para todos os setores, como as empresas que providenciam AVCB obras e outros documentos para as construtoras, o marketing digital se tornou a principal estratégia de divulgação de uma marca.

Mesmo assim, as práticas tradicionais – também conhecidas como off-line – não devem ficar de fora. Exemplos são banners, folhetos e anúncios pelas regiões de atuação.

Prestar um bom atendimento ao cliente também é essencial, principalmente, para conquistar indicações, o que chamamos de propaganda boca a boca.

Com relação ao inbound, uma de suas melhores estratégias é o marketing de conteúdo. A imobiliária deve criar um blog exclusivo para publicação de materiais relevantes como e-books e posts relacionados ao setor imobiliário.

Por meio desses conteúdos, fica mais fácil atrair pessoas que se sintam interessadas na locação. Então, posteriormente, é possível criar um relacionamento com elas usando outras estratégias, como e-mail marketing.

Usar sites especializados

Existem diversas plataformas que atuam como excelentes ferramentas para quem procura e para quem anuncia. 

Seus recursos minimizam o tempo investido, disponibilizando espaço para fotos, vídeos e descrições.

Anunciar nas redes sociais

Você pode compartilhar o anúncio em seu perfil nas redes sociais, mostrando todos os detalhes do imóvel, como portao para garagem automático, entre outros.

As imobiliárias podem anunciar em sua página e em diversas outras, pois assim seus anúncios terão uma visibilidade muito maior.

O Facebook tem um espaço exclusivo para isso, seu marketplace. Mas todo o potencial do imóvel deve ser destacado de maneira atraente para convencer o futuro locatário a conhecê-lo.

Fazer uma boa descrição

A maneira como o anúncio foi elaborado vai determinar o grau de interesse de quem o visualiza. É importante ser original e evitar textos muito longos, que podem cansar o visitante.

Destaque as informações mais relevantes, como os serviços de avaliação imobiliária que foram feitos no imóvel e tudo o que pode diferenciá-lo dos demais.

É importante falar do imóvel em si, mas também de outros detalhes, como a localização, vizinhança, comércios próximos, etc.

Não se esqueça de destacar a valorização do local, formas de negociação e outras informações que possam ser do interesse do locatário, como valor do condomínio, caso exista.

Destacar os diferenciais

Informação demais cansa, como falamos no tópico anterior, mas a falta de algumas informações pode fazer com que o futuro inquilino se desinteresse pela casa ou apartamento.

Muitas vezes, o imóvel é realmente encantador, mas a falha em sua descrição o faz perder pontos com os visitantes do anúncio.

Por isso, chame a atenção para os pontos positivos, como as cores usadas pela empresa de pintura, metragem, áreas de lazer, sistemas de segurança, etc.

Todos esses detalhes fazem a diferença e chamam a atenção das pessoas, afinal, elas querem o melhor para sua moradia.

Atentar-se à linguagem

Independentemente da plataforma usada para fazer o anúncio, é preciso ser claro e objetivo, pois as dúvidas podem aumentar o desinteresse e levar o visitante a procurar outras opções.

Quem está procurando uma casa ou apartamento para alugar pode ter um pouco de pressa, então, as interpretações equivocadas levam à desistência.

O mercado imobiliário é bastante concorrido, por isso, é preciso priorizar as informações detalhadas e manter as pessoas informadas sobre tudo o que diz respeito ao imóvel, de maneira clara.

As referências devem ser claras e concisas, portanto, evite termos vagos como “espaçoso”, “amplo”, etc. Detalhes como a metragem exata ajudam a agilizar as negociações.

Oferecer valor justo

O valor cobrado no aluguel deve ser justo, tanto para o locador quanto para o locatário, bem como corresponder às condições reais do imóvel.

Por exemplo, uma casa feita de concreto aerado, com sacada e piscina pode ter um aluguel um pouco mais caro. Para saber quanto cobrar, compare o imóvel com outros do mesmo tipo e veja a média de preços.

É preciso levar em conta outros fatores como condomínio e IPTU, uma vez que eles também pesam no orçamento.

Verifique também as suas necessidades. Se você tem urgência em alugar, vale a pena baixar um pouco o preço para atrair mais pessoas.

Retornar rapidamente os contatos

Demorar para responder uma pessoa interessada no anúncio pode custar um bom inquilino. Além disso, a internet é um ambiente dinâmico e as pessoas têm pressa na comunicação.

Se alguém entrar em contato com você por mensagem, e-mail e até por ligação, não demore, pois se ela chegar a visitar o imóvel, o negócio estará praticamente fechado.

Além disso, esse comportamento demonstra cordialidade, respeito e interesse, algo muito importante para atrair um inquilino. Tanto para uma imobiliária quanto uma em uma empresa de serviços de contabilidade, esses critérios são essenciais.

Estar aberto a negociações

O mercado imobiliário sofre com um problema muito comum: a inadimplência. O bom inquilino é aquele que paga o seu aluguel em dia, bem como o condomínio.

Depois de analisar o perfil de seu provável locatário e ver que ele possui as condições necessárias, esteja aberto a negociações.

Conceda descontos, como aqueles referentes a alguns reparos feitos no imóvel, para não perder um bom pagador.  

Ser flexível

Esta dica está relacionada à anterior, pois quanto mais inflexível a imobiliária ou o locador for, mais difícil será a negociação. As concessões, muitas vezes, ajudam a conquistar um bom negócio.

É preciso estar aberto a prazos, garantias e outros pormenores, pois dependendo de quem vai alugar, vale a pena ser mais maleável.

Muitas vezes essas concessões são mínimas, mas fazem toda a diferença para quem vai alugar, portanto, nunca é demais estudar o caso.

Conhecer o futuro inquilino

As negociações são muito mais rápidas, tanto na hora de alugar um imóvel quanto para fazer consultoria contábil, quando conhecemos com quem estamos negociando.

Para conhecê-lo melhor, durante uma visita, esclareça as dúvidas do futuro inquilino e converse mais com ele, para entender suas necessidades e expectativas.

Conclusão

A locação de imóvel é uma prática muito comum e existem milhares de pessoas interessadas, mas apesar disso, pode ser difícil driblar a concorrência do mercado.

Por isso é tão importante ter foco no anúncio, pois ele é o primeiro passo para conquistar o novo inquilino. Mas com as dicas que demos aqui, temos certeza de que ficará muito fácil colocar o seu imóvel à venda. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Rejanedrumond
Rejanedrumond

Apaixonada pela criatividade, pela beleza nas pequenas coisas e pela alegria que move a vida. Acredita que a arquitetura é feita para melhorar a vida das pessoas, seja pelo prazer de estar em uma casa bonita, na praticidade de usar um espaço bem pensado ou na proteção e conforto de uma edificação.

Leave a Reply

Your email address will not be published.